Festa do Cavalo de Colina

Festa do Cavalo de Colina
Revista Prefeitô Informa 1987

Família Paro


Video Monte Belo NOF

Video cedito gentilmente por Nestor disponivel no seu canal no youtube : www.youtube.com/user/zenanesoliton
88 - Ernesto Benedito Paro, filho caçula de Benedito Paro, com sua esposa Antonia Favareto Paro com sua primeira filha no colo. (Foto erroneamente identificada no Museu Municipal sendo de Benedito Paro,identificada agora corretamente  por parentes e amigos do facebook)
89a - Fámilia Paro - Henrique Paro
(foto Acervo Museu Municipal de Colina)
89b Fámilia Paro
(foto Acervo Museu Municipal de Colina)

João Paro
João Ademar Paro
João Ademar Paro

Nasceu no bairro Monte Belo, no municipio de Colina o dia 22/12/1933 filho de João Pedro Paro e Maria Paro, teve participação ativa no Rotary Club e foi Prefeito Municipal de 02/01/1964 a 02/02/1969 e em duas outras oportunidades: 11/07/1966 a 10/08/1966, e de 02/01/1968 a 30/11/1968.
João Paro

Filho de Antonio Paro e Eugênia Girardi Paro, nasceu em 14/12/1923, e recebeu esse nome em homenagem ao seu irmão que morreu aos 16 anos em Gênova, na Itália em 1904. tornou-se Prefeito de Colina no periodo de 03/01/1960 a 01/01/1964 e assumiu a prefeitura em mais duas oportunidades: de 05/01/1962 a 19/01/1962 e de 03/09/1962 a 02/10/1962.

D. Ercília do Nascimento Paro
(foto integrante do livro Colina Capital Nacional do Cavalo - Syria Drubi pag.85)

Henrique Ernesto Paro
(foto integrante do livro Colina Capital Nacional do Cavalo pag.90)
Ângelo Paro
Nasceu em 05/03/1983 em Ribeirão Preto Filho de Benedito Paro e de Luiza Cardini Paro, italianos de Treviso.
(foto integrante do livro Colina Capital Nacional do Cavalo pag.208)

Djalma Ernesto Paro e a esposa Luzia Garcia Paro
Djalma Ernesto Paro filho de Santo Paro e Luiza Paro, nasceu na Fazenda Gurita, em Colina no dia 20/04/1930. Foi proprietário da "Leiteira Brasil" paricipando ativamente do comércio local.
(foto integrante do livro Colina Capital Nacional do Cavalo - Syria Drubi pag.259)
Ernesto Henrique Paro ( Ernestão)
Filho de Henrique Ernesto Paro e Genoveva Girardi Paro, nasceu em Colina na Fazenda Gurita no dia 30/12/1934.
(foto integrante do livro Colina Capital Nacional do Cavalo Syria Drubi pag.267)
Fazenda Gurita - Casa onde nasceu Ernesto Henrique Paro
(foto integrante do livro Colina Capital Nacional do Caval - Syria Drubi pag.268)
Benedito Paro
chegou ao Brasil em 15 de Março de 1887, veio como imigrante, acompanhado de sua esposa Dona Luiza Cardini. Primeiramente instalou-se na Fazenda Albertina em Ribeirão Preto, depois foi para a cidade de Pitangueiras, e finalmente em 1896, adquiriu a Fazenda Estiva e transferiu-se para cá onde residiu até o ano de 1.911.

Comprou então uma nova área na região do Monte Belo em Colina, brilhante lavrador, transformou a nova área adquirida; as matas deram lugar ao cafezal e pastagens.

Benedito Paro: Uma das Raizes da Fámilia Paro
 
São seus descendentes:

1 - Antonio Benedito Paro, Casado com Eugênia Girardi

2 - Elvira Paro Piai, Casada com João Piai
3 - Giacomo Benedito Paro, Casado com Itália Marim

4 - Ângelo Paro, Casado com Santa Amabili Paro

5 - Catarina Paro, Casada com João Polizeli

6 - Ernesto Benedito Paro, Casado com Antonio Favaretto

7 - Marina Paro, Casada com Pedro Vello

(foto: Acervo Museu Municipal de Colina)
Devido a expansão do café no Brasil no final do século XIX, em busca de vida melhor, muitos estrangeiros imigrara para cá, na sua grande maioria itlaianos, entre elas a numerosa Família Paro.
(foto integrante do livro Colina Capital Nacional do Cavalo Syria Drubi pag.302)

(Texto Legenda nº 88 do Museu Municipal de Colina)

Ernesto Benedito Paro

Conhecido como "Caçula" nasceu em 21/12/1897, na Fazenda Estiva em Colina.
(foto integrante do Livro Colina Capital Nacional do Cavalo - Syria Drubi pag.304)

Santo Paro
Nasceu em 25/11/1900 na Fazenda Estiva em Colina era filho de Ernesto Paro e Emilia Marin Paro.
(foto integrante do livro Colina Capital Nacional do Cavalo - Syria Drubi pag.479)
1963
Na foto Diomar Natal Paro (Déo) e o menino Santo Paro Neto
(foto integrante do livro Colina Capital Nacional do Cavalo - Syria Drubi pag.480)

5 comentários:

  1. Por favor, verificar no Museu de Colina se a foto 88 é de Ernesto "Benedito" Paro, filho de Benedetto Paro.

    ResponderExcluir
  2. Vagner, como o Vello disse acima, verifique a identificação da foto 88, pois mostramos essa foto a várias pessoas da família Paro e todas sem exceção disseram ser o filho caçula do Benedito Paro, ou seja, o casal da foto é Ernesto Benedito Paro e Antonia Favareto Paro com a primeira filha do casal no colo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Nestor e Valdemar Vello realmente a legenda do Museu esta errada,graças a vocês e ao bendito facebook esses erros podem ser reparados

      Excluir
  3. Oi Vagner, tudo bem?? Te mandei uma mensagem mas acho que não foi.
    Estou procurando alguém que tenha os documentos do Antônio Benedito Paro (meu bisavô), vc teria contato com alguém que teria??

    Obrigada pela atenção e parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir